Urandir Recebe Homenagem na Assembleia do MS


O pesquisador Urandir Fernandes de Oliveira, fundador e presidente do Dakila Pesquisas, recebeu, nesta terça-feira (2), moção de congratulação durante sessão ordinária no plenário da Assembleia Legislativa do Mato Grosso do Sul. O reconhecimento foi motivado pela realização de estudos científicos em diversas áreas do conhecimento como matemática, física, física quântica, astronomia e geografia. Dentre as pesquisas, destacam-se descobertas recentes sobre o formato da Terra, apontando que ela não é esférica e sim convexa.
 
Proposta pelo presidente da Casa de Leis, Junior Mochi (MDB), e pelo deputado Dr. Paulo Siufi (MDB) – a condecoração foi aprovada por unanimidade pelos parlamentares.
 
“É um sonho realizado, uma alegria. Esse é o reconhecimento do esforço de longos 22 anos de trabalho beneficiando as pessoas. Agradeço às autoridades em nome do Dakila Pesquisas e de todos os associados. Estou emocionado pela grandiosidade desse momento. Tivemos muita dificuldade para chegarmos até aqui, tivemos pedras no caminho, mas os frutos colhidos são muitos bons. Que essa semente plantada possa mudar a cabeça das pessoas para que nos ajudem a caminhar pelo bem”, destacou o pesquisador homenageado.
 
Fundada em 1997, a associação sem fins lucrativos comandada por Urandir tem sede no município sul-mato-grossense de Corguinho e possui núcleos de pesquisa em Campo Grande, São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Porto Alegre (RS), Belo Horizonte (MG), Brasília (DF), Vitória (ES), Natal (RN), Fortaleza (CE), Foz do Iguaçu (PR) e Salvador (BA). No exterior está presente no Paraguai, Bolívia, Chile, Argentina, Espanha, França, Alemanha, Japão e Estados Unidos.
 
 “O senhor já foi homenageado pela Câmara Municipal de São Paulo e por representantes das Forças Armadas Brasileira. Sabemos da grandiosidade que isso representa no mundo. Para todos os parlamentares desta Casa, principalmente para mim e para o presidente Junior Mochi, é motivo de satisfação entregarmos esta singela homenagem”, afirmou o deputado Paulo Siufi. 
 
*Documentário Terra Convexa*
 
Em março deste ano, o Dakila Pesquisas lançou mundialmente, em 13 idiomas, o longa-metragem Terra Convexa: O Documentário. A obra cinematográfica revela experimentos científicos realizados ao longo de sete anos que comprovam que a Terra não é esférica e sim plana nas águas e convexa nos continentes. O documentário já foi assistido por mais de 80 milhões de pessoas.
 
Os estudos foram feitos em diferentes pontos no mundo, com acompanhamento de instituições governamentais e de profissionais de vários segmentos do Brasil e de outros países, como astrônomos, cartógrafos, geólogos, topógrafos e engenheiros civis.
 
Utilizando equipamentos de última geração, foram realizados sete experimentos científicos: geodésico, que consiste em medir dois prédios com ampla distância, tendo como referência o nível do mar; experimento a laser para verificar a planicidade das águas; nivelamento das águas; Distorções óticas relacionadas a processos reflexivos; experimento de barcos na linha do horizonte; experimentos da gravidade e dos corpos celestes.
 
O documentário, a metodologia e a tecnologia empregadas estão disponíveis no site terraconvexa.com.br.
 
 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *