Urandir | Web Brasil

Urandir apresenta galeria de fotos da pesquisa em Pamukkale na Turquia 2013. Urandir liderou a 7a Expedição Zigurats. Em Pamukkale se encontram as ruínas da cidade grega de Hierápolis e as belezas do famoso Castelo de Algodão. Urandir coletou diversas informações no local, em especial no que restou de Hierápolis. Cruzando essas informações com as já coletadas em outros locais do planeta, Urandir afirma que já tem dados suficientes para mudar as idéias da origem das civilizações.

Confira abaixo as fotos dessa pesquisa.

Urandir-2013Urandir-CastelodeAlgodao Urandir-formacao em PamukkaleUrandir-HieropolisUrandir-Muro em  HierapolisUrandir-Pamukkale 2013Urandir-ruinas de HierapolisUrandir-Turquia

Originally posted 2013-11-14 05:35:23. Republished by Blog Post Promoter

Urandir – Galeria de fotos dos arquivos da pesquisa de antigos reinos e civilizações da América Latina e Europa

 

Originally posted 2013-09-30 18:25:23. Republished by Blog Post Promoter

Durante a segunda expedição à Amazônia o Projeto Portal recebeu apoio do Exército Brasileiro. Firmou-se então uma parceria nas pesquisas realizadas na floresta Amazônica. Na selva foram encontradas evidências de remotas civilizações e  antigíssimas marcas circulares atribuidas a pouso de objetos voadores na antiguidade. Urandir Fernandes de Oliveira participou comandando a equipe Zigurats do Projeto Portal.

Originally posted 2009-05-27 02:13:00. Republished by Blog Post Promoter

Paranormal e contatado Urandir Fernandes de Oliveira, fundador do Projeto portal, uma associação composta por milhares de membros que buscam a evolução mental e efetuam pesquisas em diversas áreas do conhecimento como geologia, biologia, geografia, paleontologia, história, tecnologia, física, química entre outros. Os pesquisadores do Projeto Portal buscam também explicar fenômenos desconhecidos muitas vezes atribuidos à ufologia.

Fonte: http://www.paranormalurandir.com.br/

Originally posted 2009-05-27 02:04:00. Republished by Blog Post Promoter

Urandir – Galeria de Fotos

março 16th, 2015

 

Antigas Marcas de sapata de pouso de ovnis encontradas na floresta Amazônica durante expedição de Urandir e Projeto Portal

 

 

 

 

 

 

 

Urandir e Soldado do exército brasileiro durante a 2a expedição Zigurats – Projeto Portal à floresta amazônica

 

 

 

urandir entrevista radio manchete mídia

 

 

Urandir em entrevista à Edmo Garcia, no programa Pesquisa Ufológica na Rádio Manchete RJ

 

 

 

 

 

 

 

 

Urandir mostra as marcas impressas em sua cama após sua abdução.

 

 

 

 

 

 

Urandir e Projeto Portal visitam aldeia indígena durante 2a expedição Zigurats na Amazônia.

 

 

 

 

 

 

 

 

Urandir durante entrevista no Programa do ratinho do SBT.

 

 

 

 

 

 

 

Marcas rupestres encontradas na Amazônia durante expedição Zigurats Urandir e Projeto Portal.

Originally posted 2009-07-02 03:24:00. Republished by Blog Post Promoter

Mais uma vez a ciência confirma o que o Projeto Portal, através do pesquisador Urandir Fernandes de Oliveira e seus parceiros de mundos estelares vêm afirmando há mais de dez anos. A informação divulgada neste sábado (20/03/2010) pelo G1 e também publicada no site www.ambientelbrasil.com.br diz que as mudanças climáticas terão efeitos indiscutíveis na saúde, como o aumento das alergias e doenças transmitidas por mosquitos, e o aumento de problemas intestinais ligados à falta de água, conforme advertiram em Paris especialistas em clima e saúde.

“Em 2050, um em cada dois verões (hemisfério norte) se assemelhará à onda de calor de 2003″, que na França causou a morte de milhares de pessoas, indicou o diretor da Agência Sanitária do Meio Ambiente e do Trabalho (AFSSET), Dominique Gombert. Para o Projeto Portal estas questões já se mostram mesmo em 2010, devendo aumentar a partir de 2011, portanto, uma data muito próxima.

Para os pesquisadores do Projeto Portal, no Brasil e em vários países doenças como a provocada pelo vírus H1N1, mortes repentinas de pessoas até jovens por ataques cardíacos, aumento da incidência de câncer, doenças de pele, malária, dengue, etc. já causam problemas e preocupações para profissionais da área da saúde e até para a área governamental.
No entender de Dominique Gombert, já é possível prever que o aumento das temperaturas durante o verão provocará um forte avanço da mortalidade entre as pessoas mais velhas, ou frágeis. Além disso, as ondas de frio serão mais intensas, inclusive mais mortíferas, acrescentou o diretor. Os pesquisadores do Projeto Portal acreditam que o frio será muito intenso em determinadas regiões do planeta.
Alguns poluentes – como as partículas finas -, também aumentarão, devido ao aquecimento global, acrescentou. “Serão mais precoces e permanecerão por mais tempo”, explicou Gombert. Os pesquisadores do Projeto Portal alertam que no ar existem uma infinidades de partículas prejudiciaisà saúde humana, sendo que boa parte delas lançadas na atmosfera pelo próprio homem, mas também existem as partículas cósmicas que são prejudiciais à raça humana.
“Esta poluição terá os mesmos efeitos dos picos de poluição atuais, que geram um aumento das doenças respiratórias (bronquite, asma) e problemas cardiovasculares, assim como uma sensibilidade maior às infecções causadas por micróbios”, advertiu.
O aquecimento global provocará uma redistribuição da vegetação no território: por exemplo, a oliveira tentará subir para o norte. O mesmo já ocorre com diversas espécies de animais, que já estão migrando para outras regiões diferentes de seus habitas naturais, além daquelas aves migratórias que perdem o foco de seu destino devido às alterações do campo eletromagnético da Terra, informam os pesquisadores do Projeto Portal.
Além disso, acrescentou, as árvores com pólen se estenderão, e por isso os períodos com muito pólen vão aumentar, o que provocará mais casos de alergias, indicou.
São previstos também outros problemas de saúde, como cânceres de pele, devido à intensificação dos raios solares, e o aumento das doenças como a febre tifoide ou a cólera, porque a água será mais escassa e mais contaminada, alertou.
O especialista ressaltou que, embora as ameaças dos efeitos do aquecimento planeta pareçam claras, as medidas para proteger a saúde das pessoas são menos evidentes.
Para reduzir os fatores de risco, será preciso desenvolver a cultura da “adaptação”, mas essa meta se depara com dificuldades, como a falta de interesse dos médicos, afirmou outro especialista.
“O aquecimento global é um tema que interessa aos meios de comunicação, mas menos aos médicos”, lamentou William Dab, professor da cátedra de Higiene e Segurança no Conservatório Nacional das Artes de Paris. Também os governos não conseguem se entender quando se trata deste assunto, alertam os pesquisadores do Projeto Portal.
Segundo ele, as mudanças climáticas não são “um risco a mais”, entre outros, e sim “uma mudança de escala do risco”, dada a quantidade de pessoas expostas. Já os pesquisadores do Projeto Portal alertam que ocorrerá inclusive alteração na geografia terrestre, fato este que acontece de forma cíclica na Terra, mas ou menos a cada 5 mil anos.
O Observatório Nacional sobre os Efeitos do Aquecimento Global (Onerc) sugere algumas maneiras de combater esses efeitos das mudanças climáticas na saúde, entre elas umas supervisão maior dos agentes infecciosos e da qualidade da água e do ar. (Fonte: G1, Ambiente Brasil e Projeto Portal)

Originally posted 2011-01-27 14:29:04. Republished by Blog Post Promoter

Urandir – Na mídia

março 12th, 2015
urandir tv radio entrevista band sbt globoEm função de sua paranormalidade, Urandir foi entrevistado diversas vezes e convidado para participar de programas populares de TV. Com isso, Urandir ganhou espaço na mídia, mostrando a verdade sobre os ufos e aliens. Esse fato causou muita inveja em uma parte da comunidade ufológica brasileira que não tinha esse mesmo espaço para apresentar suas informações, tornando Urandir alvo de perseguições e uma vasta campanha de difamação. Essas perseguições envolveu a inversão e distorção de fatos publicados em revistas (como a revista Istoé) e programas de TV (incluindo até mesmo o Fantástico da rede Globo). Essa situação que envoveu famosos ufólogos do Brasil, se intensificou há alguns anos atrás, onde Urandir sofreu acusações e alguns atentados que puseram em risco sua pessoa, culminando em uma armação que o colocou injustamente por dois dias na cadeia. Foi acusado de ter vendido terrenos falsos. Foi comprovado que eram de sua legítima posse, atrevés de registros, documentos oficiais e escritura de compra e venda.Esses ufólogos brasileiros não pararam por aí. Continuam a realizar intentos contra Urandir, sendo através de falsos testemunhos de pessoas, em palestras e seminários, site, revistas e outros meios. Não obstante tudo isso realizam falsas denúncias a instituições como polícia e receita federal, fiscalização ambiental e saúde pública na tentativa de prejudicar o trabalho de Urandir e dos integrantes e pesquisadores do Projeto Portal.Para frustação maior desses ufólogos, o Projeto Portal persiste em suas pesquisas, atuando, muito além dos contatos e avistamentos com ovnis frequêntes na região de Corguinho, como em avançadas pesquisas amparado por instituições e autoridades militares brasileiras, aeronáutica, defesa civil, corpo de bombeiros, centro de pesquisas, universidades, entre outros.Recentemente os pesquisadores do Projeto Portal tem investigado as ocorrências dos crop círculos, principalmente nas lavouras da região sul do país. Para auxiliar nas pesquisas, contam, além de informações coletadas nos locais, fotos e medições com detectores diversos, de dados do controle de tráfego aéreo, o Cindacta, do comando aeroespacial brasileiro, o comdabra, entre outros.Isso é uma conquista que mostra que mesmo com muitas adversidades pode-se realizar uma investigação séria, cujo resultado vem a contribuir, não somente como simples notícias, mas sim com comprovação e informações que explicam fenômenos para o público em geral. Dessa forma, esses fenômenos não serão mais somente usados com intuito de tirar proveito de uma situação ou de um evento para um simples comentário em um noticiário ou para vender revistas.

Fonte: http://urandir.ufobr.com.br/

Originally posted 2009-05-31 06:06:00. Republished by Blog Post Promoter

Muitos acreditam que o Projeto Portal é uma seita, uma igreja ou apenas um mundo de fantasia onde os avistamentos de discos voadores e contato com seres extraterrestres e interdimensionais não passam de fraudes, faróis de milha ou invenção da mente dos seguidores.

 A verdade é que na região de Corguinho no Mato Grosso do Sul ocorrem intensos fenômenos ufológicos. Nessa região se localiza a fazenda Projeto Portal, cujo líder é Urandir Fernandes de Oliveira conhecido como UFO. Urandir é conhecido por sua paranormalidade  e seus contatos com extraterrestres.

Originally posted 2009-05-27 02:00:00. Republished by Blog Post Promoter

No ano passado, o furacão atlântico apelidado de Irene devastou a região do Caribe, parte da costa leste americana e chegou até o Canadá. Na época, o evento foi classificado como natural e que ocorre a cada cem anos.

Contudo, um estudo conduzido por uma equipe do MIT (Massachusetts Institut of Technology) e pela Universidade de Princeton, encontrou evidências nada animadoras. Segundo a pesquisa, tempestades de alta intensidade e suas inundações violentas vão acontecer em janelas de tempo bem menores que um século.

 Nota da Redação do Projeto Portal: As inteligências de outros mundos parceiras do Projeto Portal há mais de dez anos vem alertando, através do presidente da Associação Projeto Portal, Urandir Fernandes de Oliveira, e mais recentemente pelos mais de 1.500 contatados, sobre o aumento das catástrofes em todo o planeta, sendo este um evento cíclico e que,dessa forma, já ocorrereu na Terra em outras épocas, conforme registram os livros de geografia, história e ciência. Os pesquisadores do Projeto Portal alertam que não se trata do fim do mundo e que isso não irá ocorrer, mas sim o aumento de eventos climáticos como temporais, vendavais, terremotos, atividade vulcânica e solar que afetarão as populações e os continentes.  Agora, a equipe do MIT corrobora essa possibilidade do aumento de eventos catastróficos que, segundo os pesquisadores do Projeto Portal, iráo se intensificar a partir de 2012, chegando ao ápice em 2014 e se estendendo até 2018, depois diminuindo. A recomendação é para que as pessoas se preparem, armazenando alimentos, água e medicamentos. Se nada ocorrer, os produtos poderão ser consumidos posteriormente, mas pelo menos houve um preparo que poderà ajudar aqueles que necessitam desses itens. O estudo do MIT se refere a Nova Iorque, mas esse panorama pode ocorrer em diversas cidades, bastando fazer um balanço sobre os eventos que já estão ocorrendo em diversos pontos do planeta.
Os pesquisadores usaram a cidade de Nova York como exemplo de análise. Em média a cada 500 anos, a cidade é alvo de inundações que superam os três metros de altura. A equipe combinou quatro padrões climáticos com amostras de furacões específicos. Os modelos então geraram 45.000 tipos de tempestades, num raio de 200 km da ilha de Manhattan.
 Em seguida, os modelos foram submetidos a dois possíveis cenários. O primeiro, atual, representou o clima entre 1980 e 2000, enquanto o segundo usou previsões do que está por vir entre os anos 2081 e 2100. Tais estimativas, segundo o MIT, foram baseadas em dados do Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas sobre as emissões de dióxido de carbono.
 A conclusão é que com o aquecimento global, inundações que superam a marca dos dois metros devem passar a acontecer a cada três ou 20 anos. Enquanto que, a cada 25 e 240 anos, é possível que o nível da água chegue facilmente aos três metros.
 Atualmente, os diques de Manhattan têm apenas 1,5 metro de altura. Ou seja, em qualquer um dos dois cenários previstos pela equipe, é possível que Nova York fique embaixo d’água. A equipe deixa o alerta e enfatiza que os resultados obtidos podem ser usados pelas autoridades para minimizar impactos que tempestades de alta intensidade podem trazer para uma região.

 

FONTE: Fonte: Revista Exame e INFO

Originally posted 2012-01-02 02:27:10. Republished by Blog Post Promoter

Provas comprovam inocência de Urandir. Apresentamos aqui provas que mostram a inocência de Urandir Fernandes de Oliveira, quanto a sua prisão em Porto Alegre. Para quem não sabe Urandir sofre uma ofensiva perseguição por parte de uma linha ufológica brasileira, os quais não medem esforços para descredibilizar Urandir. Um dos pontos que mais se prendem nessa perseguição são acusações indevidas de vendas irregulares de terrenos em fazenda de sua propriedade no Mato Grosso do Sul. Abaixo, documento expedido pelo Ministério Público do RS em 11 de setembro de 2000, emitido 2 dias após a injusta detenção de Urandir no ano de 2000, comprovando que nada tinha de ilegal na atividade de Urandir. Mesmo com isso, ufólogos brasileiros ainda fizeram e fazem posteriores e insistentes acusações contra Urandir, utilizando-se desse fato sem mostrar as provas concretas que aqui trazemos.

 

Originally posted 2009-04-23 18:10:00. Republished by Blog Post Promoter

Calendário

março 2015
S T Q Q S S D
« fev    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Categorias

Artigos Recentes

Referencias

RSS Noticias Radio Portal FM

  • Previsão do Tempo para as atividades do Projeto Portal
    A Radio Portal FM começa a transmitir de hora em hora boletins com a previsão do tempo exclusiva para as atividades da Associação Projeto portal em sua sede em Corguinho no Mato Grosso do Sul. Fique ligado, planeje sua bagagem e não tenha imprevistos em sua viagem.Radio Portal FM pensando em você ! […]
  • Junho é mês de homenagear Raul Seixas na Portal FM
    Em junho a rádio Portal FM faz uma homenagem ao mês do aniversário do grande ícone do cenário musical e nosso eterno "Maluco Beleza": Raul Seixas. Raul Santos Seixas nasceu em Salvador no dia 28 de junho de 1945. E faleceu em São Paulo no dia 21 de agosto de 1989.Raul Seixas foi um grande cantor e compositor brasileiro, sendo considerado um dos pio […]
Web Design Bournemouth Created by High Impact.
Copyright © Urandir | Web Brasil. All rights reserved.